Terça-Feira, 15 de Setembro de 2020, 08h:26

Tamanho do texto A - A+

PF investiga fraudes em certificados do Ibama em Mato Grosso

Por: AMANDA DIVINA

O estado de Mato Grosso está sendo alvo de uma operação da Polícia Federal (PF) que investiga fraudes em certificados digitais de fiscais e gestores do Instituto Brasileira do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). A operação foi deflagrada na manhã desta terça-feira (15).

Marcelo Camargo/Arquivo Agência Brasil

Ação da Polícia Federal

 

Os desvios seriam para beneficiar proprietários rurais e empresários do ramo de exploração florestal e agropecuária com áreas embargadas em Mato Grosso e no estado do Pará. Estão sendo reallizadas buscas em Primavera do Leste, Itanhangá, Marcelândia, Sorriso, Lucas do Rio Verde, Tangará da Serra, Rondonópolis e Guarantã do Norte.

Os agentes cumprem 5 mandados de prisão e 48 de busca e apreensão, expedidos pela Justiça Federal do Distrito Federal. Além de MT, os estados de Goiás, Tocantins, Minas Gerais, Mato Grosso, Pará, Paraná, Rio Grande do Sul, e São Paulo.

Cerca de 122 desembargos irregulares em nome 54 pessoas físicas e jurídicas, foram realizados causando um prejuízo de R$ 150 milhões em multas não recolhidas e descumprimento de embargos em áreas ambientais sensíveis da Amazônia legal.

Após identificação do Ibama, foi instaurado um inquérito das fraudes  ocorridas contra superintendentes, agentes e fiscais, com o uso de tokens expedidos indevidamente por terceiros falsificadores.

Os investigados podem responder por crimes contra o meio ambiente, além de estelionato e uso de documento falso, alteração de sistemas de dados, descumprimento de ordens de embargos, prevaricação e corrupção.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei



Últimas Notícias