Quinta-Feira, 17 de Setembro de 2020, 09h:40

Tamanho do texto A - A+

Emanuelzinho garante fugir de briga em eleição e diz que política não se faz com ameaças

Por: WELLYNGTON SOUZA E JOYCY AMBRÓSIO

Reprodução/ Aline Valentin - Notícia Max

WhatsApp Image 2020-09-16 at 23.06.17.jpeg

 

O deputado federal e candidato a prefeito de Várzea Grande, Emanuel Pinheiro Neto (PTB), o Emanuelzinho, garantiu na noite desta quarta-feira (16), que irá "correr de briga" durante a disputa eleitoral. As eleições municipais estão marcadas para 15 e 29 de novembro, primeiro e segundo turno, respectivamente.

LEIA MAIS: PTB lança Emanuelzinho como candidato à Prefeitura de Várzea Grande

“Isso faz parte do perfil e do caráter de cada um. O meu perfil, e que os eleitores de Várzea Grande esperam de mim, é fazer o diagnóstico dos problemas da cidade e mostrar como solucioná-los. Atacar um ao outro não vai melhorar a vida de ninguém”, disse à imprensa durante convenção municipal da sigla no município.

Emanuelzinho completou ressaltando que política não se faz com ameaças. “Então deixo isso para o perfil de cada candidato, não é o meu. O meu é agregar forças para que eu posso melhorar a vida das pessoas”.

Entre as principais frentes de trabalho como sucessor da atual gestão, o pré-candidato disse que buscará avaliar a possibilidade de uma reforma administrativa cortando despesas que estiverem em excesso.

“A ideia é poder organizar a estrutura da prefeitura, combate à sonegação e aumentar a receita de forma justa e não sangrando a população e de fazer executar políticas públicas”, disparou.

Questionado sobre a possível candidatura do pai, o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), Emanuelzinho declarou que aguarda uma resposta para que ele saia à reeleição.

“Quero ele candidato, mas é uma decisão muito pessoal dele, sei que tem muita resistência da família, principalmente da primeira-dama, que está louca para que ele desista. Porém, vejo ele muito entusiasmo. Ele está rezando com Deus e o ouvindo o próprio coração”.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei