Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020, 08h:33

Tamanho do texto A - A+

Dignidade...

Por: DENIA CONSULTORIA

ASSESSORIA

DENIA CONSULTORIA

Dignidade é uma qualidade moral que infunde respeito, honra e nobreza.

Em tempos estranhos como este que estamos vivendo, o atributo da dignidade quando exposto, ganha uma proporção  semelhante à ferida exposta em carne viva... Porque é desta forma, que uma grande parcela da população ainda se sente.

Afinal, antes da pandemia, lidar com as adversidades do dia a dia, e encontrar em meio a elas, janelas de felicidade, já consistia um desafio de grande porte, mas, agora que as portas começaram a ser abertas, entrar e encontrar cadeiras confortáveis para nos acomodar, não tem sido uma tarefa das mais fáceis.

Parece que padecemos dentro daquela brincadeira chamada “cobra cega”: Não sabemos ao certo se estamos quentes, mornos ou frios, porém, uma coisa é certa: Os sentimentos estão tendo uma oportunidade única, de viverem a sua latência, de modo mais vibrante... Ao ver no semáforo, sob a luz de um sol escaldante, um rapaz trajado com roupa social, postura invejável, equilibrando em sua bandeja bebida e gelo, e servindo-as nos carros, no curto espaço de tempo que o farol permitia, é instantâneo: o sentimento da dignidade se faz presente!

Quando o profissional autônomo volta a oferecer o seu serviço ou produto, e entre uma divulgação e outra, aborda uma mensagem de paz e esperança, na intenção de confortar o seu coração e o dos seus clientes, tenha certeza, a dignidade mais uma vez está presente.

Quando a família, tão sobrecarregada com seus afazeres, sem saber onde começa o “home” e onde termina o “office”, recorre ao seu arcabouço das memórias, na tentativa de encontrar recursos para alfabetizar e ensinar seus filhos em casa: Dignidade!

Quando o professor habituado a acompanhar a evolução dos seus alunos diariamente, mas agora, necessita contar, com a instabilidade da conexão do sinal da internet, que se tornou mais um dos inúmeros motivos, que desconcentram os alunos, mas mesmo assim, ambos persistem: Dignidade!

Quando a mãe, que acabou de colocar em um mundo doente, um bebe tão saudável, porém extremamente frágil, consegue encontrar forças para transmitir a ele todo seu amor e segurança: Dignidade!

Quando o pai de família, acostumado a chegar em casa após o trabalho com um presentinho para seu filho,e de repente, precisa encarar aqueles olhos brilhantes, que insistem em procurar em suas mãos vazias o “agrado” e dizer: “ -Vai ficar tudo bem filho, em breve tudo será como era antes.”: Dignidade!

Quando o enfermo, que antes tomava um chá com biscoitos, feitos com tanto apreço pelo ente querido, mas hoje, não pode sequer receber o carinho de uma visita, e ainda assim, supera suas dores apoiando-se em si mesmo: Dignidade!

A dignidade se faz presente no otimismo, na boa fé, na perseverança, na resiliência.

E nós seres humanos, apesar de tão imperfeitos, quando possuímos por proposito, uma vida repleta de dignidade, não existirão empecilhos que possam nos impedir de conquistar este feito.

Em alguns momentos, podemos até jogar a toalha no chão...Mas aí, vem a dignidade, que a recolhe, torce, estende no varal, e após um tempo, acabamos pegando-a de volta e colocando no ombro.

Nós, da Denia Consultoria acreditamos, que só é livre aquele que é autêntico; Que a lagarta só se tornará borboleta se passar por um processo, e que semente necessita de tempo para se transformar em flor.

Imagem bem construída é aquela que transmite por fora, tudo o que se carrega dentro. E que talvez, este pode ser o momento ideal para usarmos toda a força que provém da nossa dignidade, para nos dar uma chance de encarar a vida, começando primeiramente por dentro.

 

(*) DENIA COSULTORIA é formada por Denia Alexandrina, consultora de imagem e marketing, há 40 anos no mercado; Fernanda Fae Figueiredo, que é fashion marketing; e Estela Fae de Barros que é psicóloga e especializada em marketing. Email: deniaconsultoriadeimagem@hotmail.com / @deniaconsultoria

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei